terça-feira, 17 de abril de 2018

Bolo de Aniversário do J.

No passado mês de Março o J. fez 2 aninhos. É incrível como o tempo voa! Ainda ontem era um feijãozinho, tão pequenino nos seus 2370g e 45,5cm e hoje está um espevitado 
O ano passado o bolo foi encomendado na pastelaria. Meu deus, o que corremos à procura de uma pastelaria que fizesse um bolo saudável, sem açúcar, derivados de leite e aquelas coisas todas. Encontramos, mas o resultado não foi positivo. Saiu um bolo pesado, a saber a farinha, caríssimo e, se formos bem a ver as coisas, nada saudável! Então este ano decidi que iria ser eu a fazer o bolo. Antes do produto final foram testados vários bolos e ficou decidido que iria ser o Bolo de Cacau e Café da Evans AC. Mas como nem todos apreciam o sabor do cacau, para suavizar, acrescentei camadas de Bolo de Amêndoa e Ovos Moles, da Márcia Patrício (a receita foi aqui publicada). E voilá, aprovadíssimo por todos :)



Para o bolo:
- 4 ovos
- 6 c. sopa de açúcar de coco
- 2 c. sopa de manteiga s/sal
- 4 c. sopa de cacau puro
- 100g de farinha de amêndoa
- 3 c. sopa de polvilho doce
- 3 c. sopa de farinha de coco
- 100 ml de água a ferver
- 1 c. chá de fermento


Pré-aquecer o forno a 200ºC.
Misturar todos os ingredientes pela ordem apresentada na receita.
Levar ao forno por 20 minutos.

Dobrei a receita do bolo de cacau, pois sai um bolo baixinho. A receita do bolo de amêndoa fiz apenas uma. Depois cortei os bolos ao meio com a ajuda de uma linha grossa e alternei as camadas. Entre cada camada coloquei coulis de frutos vermelhos, fazendo uma redução com mel, a gosto. A cobertura foi chantilly, feito com natas frescas e açúcar de coco.

Fonte: Na Cozinha com a Evans

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Bolachas de Amêndoa e Mel

Nestes dias de chuva, nada como estar em casa a fazer miminhos para os nossos príncipes e princesas! Por isso, deixo-vos uma receita de bolachinhas deliciosas
 
 
- 1 ovo
- 2 c. sopa de farinha de amêndoa
- 2 c. sopa de farinha de aveia
- 2 c. sobremesa de mel
- 1 c. chá de fermento em pó
- cacau q.b.
 
 
Misture todos os ingredientes* com a ajuda de uma colher. No final, foi mesmo com a mão :)
Embrulhe me película aderente e leve ao frigorífico para que a massa fique mais dura para moldar.
Pré-aqueça o forno a 170º C.
Retire a massa do frigorífico e estenda entre duas folhas de papel vegetal, com uma espessura de 2mm, mais ou menos.
Corte no formato desejado.
Disponha as bolachas num tabuleiro com papel vegetal.
Leve ao forno entre 10/15 minutos.
 
* o cacau coloque na quantidade que desejar. Eu coloquei apenas em metade da massa e numa quantidade que desse para dar alguma cor.

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Bolo de Dióspiro e Nozes

Há uns dias ao "passear" pelo Facebook, deparei-me com uma receita da Mamã Paleo, a qual conjugava a palavra bolo e dióspiro. Achei super interessante, pois nunca tinha usado dióspiro para nada senão para umas bolachas que acabaram por ficar fofinhas. Tinha um dióspiro muito, muito mas mesmo muito maduro em casa e precisava de o gastar. Então, com preguiça de procurar a receita, acabei por inventar e saiu esta delícia.
 
 
 
- 4 ovos de galinhas felizes
- 1 dióspiro maduro
- 1 banana da madeira madura
- 1 cup de farinha de aveia
- 1/2 cup de farinha de amêndoa
- 1 c. sobremesa de fermento
- 1 cup de nozes picadas
 
 
 
Pré-aqueça o forno a 170ºC.
Separe as gemas das claras. Reserve as claras.
Junte as gemas, a polpa do dióspiro e a banana e misture bem com a ajuda da varinha mágica.
Junte aos poucos, a farinha e o fermento e mexa bem, até obter uma mistura homogénea.
Misture as nozes picadas e envolva.

Bata as claras em castelo e envolva, sem bater, na massa.
Forre uma forma (usei rectangular) com papel vegetal. Verta a massa e leve ao forno por, aproximadamente, 20/25 minutos. 
 

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Queques de Alfarroba

Sábado de manhã! No relógio marca 7h e o sono foi-se... Bem, vamos lá levantar e fazer alguma coisa útil antes de ir à aula de natação com o piolho e o maridão. Na cozinha, duas bananinhas bem maduras, já bem pretas que nem se conseguem comer... Nah, vocês não vão para o lixo! Panquecas? Nops, ultimamente panquecas e waffles tem sido a escolha. Uns queques, é isso! E lá me pus eu a inventar, resultando nisto! Mahm mham...
 
 
 
(para cerca de 6 unidades)
- 1/2 cup de farinha de aveia
- 1/2 cup de farinha de amêndoa
- 2 bananas da madeira bem maduras
- 3 ovos
- 2 c. sopa de óleo de coco derretido
- 1 c. sopa de farinha de alfarroba
- 1 c. sobremesa de fermento
- 1 quadradinho de chocolate 99% cacau
 
 
Pré-aqueça o forno a 180ºC.
Num prato, amasse bem as bananas. Junte os ovos, um a um, e misture bem. Reserve.
Junte os ingredientes secos e misture bem.
Adicione a mistura da banana com os ovos e mexa bem.
De seguida, junte o óleo de coco.
Raspe o quadrado de chocolate e envolva. Eu uso o chocolate biológico da Vivani.
Coloque em formas de queques e leve ao forno a 180ºC, durante cerca de 15 minutos.
 

quinta-feira, 26 de outubro de 2017

Bolachas de Amêndoa e Alfarroba

Hoje a receita foi criada a pensar num desafio lançado pela Tânia, no grupo Ementa do Bebé. Umas deliciosas bolachinhas saudáveis, só com ingredientes do bem! Vamos lá a correr para a cozinha que são muito fáceis de fazer!
 
 
- 1/2 cup de farinha de amêndoa + 2 c.sopa
- 1/2 cup de farinha de aveia
- 1 c. sobremesa de farinha de alfarroba
- 1 ovo
- 3 c. sopa de óleo de coco
- 2 c. sopa de mel
- 1 c. café de fermento
 
 
Pré-aqueça o forno a 170ºC.
Junte todos os ingredientes secos e mexa bem.
Junte a pouco e pouco os ingredientes líquidos.
Envolva bem até obter uma mistura homogénea.
Envolva em película aderente e leve ao frigorífico por 20 minutos, para endurecer e moldar.
Estenda a massa com uma espessura de 2mm, entre duas folhas de papel vegetal.
Corte na forma desejada e coloque num tabuleiro forrado a papel vegetal.
Leve ao forno por 10 minutos.
 
 
 
 

quarta-feira, 18 de outubro de 2017

Bolo de Amêndoa com Ovos Moles

A semana passada foi dia de aniversário da mana mais nova! Rumamos até ao Porto (até parece muito longe, eheh) para lhe cantar os parabéns e eu fiquei encarregue de levar o bolo. É que sabem bem que a coisa de bolo de pastelaria já não combina em nada comigo!
 
Um bolinho sem açúcar, preferencialmente sem farinhas do mal (trigo, etc) e sem lacticínios, esse é o meu lema! E aqui quem entra? Os meus amiguinhos da Paleo! Não, não adoptei este estilo de vida, mas a nível de sobremesas, são dos melhores para seguir.
 
A receita é da Márcia Patrício, do Tempero da Argas e o resultado foi este: DI-VI-NAAAALLLL!!!
 
P.S. - Perdoem-me a qualidade da imagem, mas na altura não foi possível melhor :(
 
 
 
Para o bolo
- 2 ovos inteiros + 3 claras
- 120g amêndoa moída
- 2 c. sopa de mel
- 1 laranja (raspa)
- 1/2 c. café bicarbonato de sódio

 
Bata os ovos e as claras até obter uma mistura esbranquiçada e em espuma.
Adicione os restantes ingredientes e bata até incorporar.
Unte uma forma, coloque a massa e leve ao forno por 30 a 40 minutos.
Vamos lá aos ovos moles!
 
 
Para os ovos moles
- 3 gemas
- 80g de mel
- 50g de água
 
Leve a água e o mel ao lume até formar uma calda.
Retire um pouco da calda e misture com as gemas, mexendo rapidamente para as gemas não cozerem.
Depois coloque as gemas no mesmo recipiente que a água e o mel e deixe ferver.
Coloque por cima do bolo no momento de servir.
 
 
 

terça-feira, 26 de setembro de 2017

Waffles de Coco e Amêndoa

Ontem fiz "leite" de coco! Anteriormente bebia "leite" de compra, até me aperceber que é uma bebida facílima de se fazer e muito mais saudável, pois não tem nem metade dos ingredientes que são usados na confeção dos "leites" de supermercado.
 
Para além disso, ainda sobra o coco que guardo num frasquinho de vidro no frigorífico e uso em receitas. Hoje, decidi usá-lo nuns waffles. Misturei os ingredientes mais simples e saíram uns waffles deliciosos!
 
 
 
 
- 1 banana média madura
- 1/2 cup de aveia
- 1/2 cup de amêndoas
- 2 c. sopa de sobra de coco
- 90ml de leite de coco
- 2 ovos
 
 
Colocar todos os ingredientes num processador e triturar até obter uma massa homogénea.
Aquecer a máquina de waffles.
Colocar pequenas porções e deixar dourar.
Rápido e delicioso!
 
P.S. - A "etiqueta" a partir dos 12 meses aplica-se a quem respeita as fases de introdução alimentar. Em certas formas de introdução alimentar estas idades "não se respeitam" :)